HOMEUMA PROPOSTAUMA ESTRUTURALazer e ritual de relaxamento dos quatro elementosALGUNS DIFERENCIAISINFORMAÇÕES COMPLEMENTARESTarifárioReservasComo ChegarLinksAGENDA DE EVENTOSGALERIA DE FOTOSCONTATO

ALGUNS DIFERENCIAIS ‹‹ Voltar    

  • Vista panorâmica: uma das mais privilegiadas vistas de Cunha, a cerca de 1100 metros de altitude, quase 360º para um vale repleto de montanhas, de onde se pode testemunhar um belíssimo pôr-do-sol, diferente a cada dia;
     
  • Cozinha - "Culinária da Montanha"- Ponto forte da Estalagem Shambala: comandada pela sócia proprietária e Chefe de Cozinha Lilian Ramos, com experiencia de quinze anos e formação em Gastronomia. Lilian utiliza em suas receitas e criações ingredientes frescos do próprio quintal como ervas aromáticas, legumes, hortaliças, frutas, ovos, mel, leite e derivados como queijo fresco, mussarela, coalhada. Alem de vários produtos da região serrana como cogumelos, trutas e pinhão. E importados, que mesclam o cardápio com inspiração na culinária oriental e contemporânea; no melhor estilo "slow food"- comida sem pressa- servida em pratos de cerâmica artística feitos pelos principais ceramistas da cidade.

           Atualmente o serviço é somente atraves do Pacote Gourmet veja detalhes em "Informações Complementares".

Uma singular fusão de aromas e sabores...

Entre 2010 e 2011 Lilian Ramos concluiu o curso de Chefe de Cozinha da Escola Wilma Kovesi em São Paulo.

E em 2012 estudou na Itália no ICIF em Castello Di Costigliole D'Asti em Piemonte, estagiando e trabalhando em restaurantes italianos, como o conceituado Ristorante Joia - Alta Cucina Naturale de Pietro Leemann, em Milão, primeiro e único restaurante de comida natural da Europa estrelado no Guia Michelan. www.joia.it.   E no tambem estrelado Restaurante "IL Piccolo Principe" do Grand Hotel Principe de Piemonte em Viareggio na Toscana.

Lilian estudou culinária na Tailandia em Chiang Mai em 2013 e em Bangkok em 2014 e 2015 na conceituada Escola Blue Elephant.

E agora após a reforma e reestruturação de sua nova cozinha, prepara uma nova fase, mesclando a sua tradicional "Culinária da Montanha" com o aprendizado das tecnicas da escola italiana e os toques e sabores orientais da Tailandia, Camboja, Laos, India e Nepal de onde trouxe temperos, especiarias e experiencias sensoriais...

Alguns itens do cardápio:

Berinjela ao molho de tomates com mussarela de búfala, papillote de cogumelos frescos, crepe de alho poro com ricota defumada com ervas, truta à moda indiana com gengibre, congrio rosa ao masala com manga, shimeji e pimenta rosa, linguado crocante com pinhão, frango caipira com masala e damascos, salmão in papillote com frutas vermelhas, penne com iscas de shiitake e rúcula ao molho de mostardas, iscas de peito de frango caipira ao curry, risoto de shiitake, risoto de alho poró, frango a moda thai ao green curry com leite de côco, peito de pato em redução de balsâmico ao molho de amoras... entre outros;

  • Decoração: exposição permanente de ceramistas locais; telas com temas variados de artistas como Jaime Yesquenlurita, Samira Darwiche, Maria Tereza Louro, Zahiro e Gitika Anand, Alberto Cidraes, Suenaga e Jardineiro, Mieko e Mario entre outros; instrumentos musicais feitos em cerâmica para práticas meditativas e terapêuticas; temas de inspiração oriental nos interiores e jardins;
  • Música: seleções especiais, fruto de anos de pesquisas e estudos sobre música de todos os cantos do mundo, executadas diariamente; coleção de clássicos de world music, lounge oriental, étnica, celta, indiana, paquistanesa, sufi, aborígene, tuva, tibetana, tailandesa, navajo, ...
  • Sustentabilidade: produção e consumo da maior quantidade possível de produtos orgânicos e naturais, dentro da propriedade; reciclagem de lixo e de materiais; compostagem dos resíduos orgânicos; recuperação de áreas degradadas e nascentes com reflorestamento; plantio já efetuado de mais de cinco mil exemplares de espécies nativas da região visando à formação de corredor verde unindo dois remanescentes de mata atlântica ao lado da estalagem; através do projeto da CESP, parcerias com a ONG Serra Acima e o IBAMA; apoio a projetos ambientais, que realizam estudos e identificam aves e animais silvestres da região. E 100% de tratamento de todos os resíduos e esgotos com caixas de gordura, fossas sépticas e filtros anaeróbicos.
     
  • Localização: à 2 km do centro por estrada asfaltada com estacionamento.

 

Estalagem Shambala - Cunha/SP